Inventos - Ordem Palmiana

“Não é possível atravessar as imensas florestas do Brasil sem ficar impressionado com a magnificiência de suas diversas variedades de palmeiras, umas mais belas que as outras.” (manuscrito L´Ami des Arts, pg. 235). Assim, Hercule Florence descreve as palmeiras encontradas em suas andanças pelo Brasil e dá o ponto de partida ao que chamou de a ordem arquitetônica brasileira ou palmiana (no original francês, Ordre Brésilien ou Palmien):

Em outro trecho do manuscrito L´Ami des Arts (pg. 317), ele completa: “Não se pode contemplar uma floresta de palmeiras, ou mesmo apenas uma palmeira, sem sentir reverência religiosa associada à admiração. Uma palmeira é um pequeno templo onde se vê a coluna, o pedestal, o capitel, a abóbada e a cúpula...”.

Hercule Florence registra ainda que a primazia, entretanto, pertencia aos artistas ligados à Academia Imperial de Belas Artes do Rio de Janeiro - que haviam projetado, para a recepção da futura Imperatriz Amélie de Leuchtenberg (1812-1873, segunda esposa de D. Pedro I) em 1829, um capitel com grandes folhas de palmeira elevando uma coluna de madeira coberta por tecido.


Clique para ampliar

FLORENCE, Hercule - [Página 53 do manuscrito Troisième livre de premiers matériaux] - 1840-1860 - Tinta ferrogálica sobre papel - 23,3 x 17,9 x 1,4 cm (fechado) - Coleção Instituto Hercule Florence (São Paulo) - Foto Heitor Florence.
FLORENCE, Hercule - [Página 54 do manuscrito Troisième livre de premiers matériaux] - 1840-1860 - Tinta ferrogálica sobre papel - 23,3 x 17,9 x 1,4 cm (fechado) - Coleção Instituto Hercule Florence (São Paulo) - Foto Heitor Florence
FLORENCE, Hercule - [Página 55 do manuscrito Troisième livre de premiers matériaux] - 1840-1860 - Tinta ferrogálica sobre papel - 23,3 x 17,9 x 1,4 cm (fechado) - Coleção Instituto Hercule Florence (São Paulo) - Foto Heitor Florence.
FLORENCE, Hercule - [Página 57 do manuscrito Troisième livre de premiers matériaux] - 1840-1860 - Tinta ferrogálica sobre papel - 23,3 x 17,9 x 1,4 cm (fechado) - Coleção Instituto Hercule Florence (São Paulo) - Foto Heitor Florence.

Em 1852, quase três décadas após percorrer o Brasil como integrante da Expedição Langsdorff (1825-1829), Hercule Florence detalha o que seria a sexta ordem arquitetônica, destacando suas principais fontes de inspiração: as palmeiras jerivá, acuri (guacuri), buriti, babaçu (guaguaçú), guariroba, carandá, bocaiúva (bocajuva) e, principalmente, a pindoba (pindova) – que tem suas folhas dispostas em semicírculo e dentro de um plano vertical, “forma lindamente apropriada para a marquise brasileira” (Diário III, p. 53).

Em 1978 Hercule Florence retomaria sua proposta, completando a descrição sobre a Ordem palmiana.


FLORENCE, Hercule - [Página 58 do manuscrito Troisième livre de premiers matériaux] - 1840-1860 - Tinta ferrogálica sobre papel - 23,3 x 17,9 x 1,4 cm (fechado) - Coleção Instituto Hercule Florence (São Paulo) - Foto Heitor Florence.
FLORENCE, Hercule - [Página 59 do manuscrito Troisième livre de premiers matériaux] - 1840-1860 - Tinta ferrogálica sobre papel - 23,3 x 17,9 x 1,4 cm (fechado) - Coleção Instituto Hercule Florence (São Paulo) - Foto Heitor Florence.
FLORENCE, Hercule - [Página 60 do manuscrito Troisième livre de premiers matériaux] - 1840-1860 - Tinta ferrogálica sobre papel - 23,3 x 17,9 x 1,4 cm (fechado) - Coleção Instituto Hercule Florence (São Paulo) - Foto Heitor Florence.
FLORENCE, Hercule - [Página 61 do manuscrito Troisième livre de premiers matériaux] - 1840-1860 - Tinta ferrogálica sobre papel - 23,3 x 17,9 x 1,4 cm (fechado) - Coleção Instituto Hercule Florence (São Paulo) - Foto Heitor Florence.
FLORENCE, Hercule - Carandá-brabo. Sur le chemin de Cuyabá au Diamantino, 9 Décembre 1827. Hercule Florence fecit. - 1827 - Nanquim sobre papel - 21,5 x 29,3 cm - Coleção Arquivo da Academia de Ciências (São Petersburgo).

FLORENCE, Hercule - Guariróva. Sur le Chemin de Cuyabá au Diamantino, Décembre 1827. Hercule Florence, ft. - 1827 - Nanquim sobre papel - 22,0 x 30,7 cm - Coleção Arquivo da Academia de Ciências (São Petersburgo)


FLORENCE, Hercule - [Desenho do Carnet de dessins] - [1825] - Aguada sobre papel - 19,3 x 24,7 cm - Coleção Bibliothèque Nationale de France (Paris)
FLORENCE, Hercule - [Desenho do Carnet de dessins] - [1825] - Aguada sobre papel - 19,3 x 24,7 cm - Coleção Bibliothèque Nationale de France (Paris).
FLORENCE, Hercule - [Estudo sobre as ordens arquitetônicas clássicas, Página 41 do manuscrito Livre d'annotation et de premiers matériaux] - s.d. - Tinta ferrogálica sobre papel - 22,5 x 18,1 x 3,3 cm (fechado) - Coleção Instituto Hercule Florence (São Paulo) - Foto Heitor Florence.
FLORENCE, Hercule - [Estudo sobre as ordens arquitetônicas clássicas, Página 41 do manuscrito Livre d'annotation et de premiers matériaux] - s.d. - Tinta ferrogálica sobre papel - 22,5 x 18,1 x 3,3 cm (fechado) - Coleção Instituto Hercule Florence (São Paulo) - Foto Heitor Florence.

BIBLIOGRAFIA INDICADA:

  • FLORENCE, Hercule. Livre d'annotation et de premiers matériaux, 1829-1836. Manuscrito, Tinta ferrogálica sobre papel, 22,5 x 17,5 x 3,3 cm (fechado). Coleção Instituto Hercule Florence (São Paulo)
  • FLORENCE, Hercule. Troisième livre de premiers matériaux, 1840-1860. Manuscrito, Tinta ferrogálica sobre papel, 23,3 x 17,2 x 1,4 cm (fechado). Coleção Instituto Hercule Florence (São Paulo)
  • Hercule Florence e o Brasil: o percurso de um artista-inventor. [São Paulo]: Pinacoteca do Estado, [2009]. (catálogo de exposição)
  • FLORENCE, Hercule. «  [Manuscrit] Essai d´un 6.me Ordre d´Architecture Ordre Brésilien ou Palmien. » in Hercule Florence.  Le Nouveau Robinson. Milan : Humboldt Books / Monaco : Nouveau Musée National de Monaco, [2017]. p. 345-355.

Voltar